Sábado, 9 de Março de 2013
Gato que brincas na rua

Gato que brincas na rua 

Como se fosse na cama, 
Invejo a sorte que é tua 

 Porque nem sorte se chama. 

Bom servo das leis fatais 

Que regem pedras e gentes, 
Que tens instintos gerais 

E sentes só o que sentes. 

És feliz porque és assim, 

Todo o nada que és é teu. 
Eu vejo-me e estou sem mim, 

Conheço-me e não sou eu.

                                                   Fernando Pessoa



publicado por Filomena às 12:27
link do post | favorito

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.Visita n.º
free statistics
Sirius Coupons
Brandi Carlile-The story -

Visit AvelarHoje
blogs SAPO
.subscrever feeds